quinta-feira, abril 07, 2011

Quase normal de novo...

Primeiro quero pedir desculpas pelo desabafo de raiva ontem, que me fez usar o meu caderninho para falar mal de alguém, coisa que eu não gosto de fazer, mas me senti injustiçada e mal tratada e só por isso escrevi, mas agora as coisas já estão se encaminhando. Fiz minhas reclamações onde devia fazer e as providências estão sendo tomadas.
Quanto ao meu "surto de insatisfação profissional" do dia anterior, eu tenho a dizer que pelo menos metade das pessoas que conheço já passaram por isso. Se não passaram, alguns fatalmente passarão.
No meu caso, cabe somente a mim (óbvio) mudar o rumo da minha vida, se preciso for, claro... então, to botando a minha cachola pra funcionar e em breve terei alguma novidade.
Quuando a gente se movimenta as coisas acontecem...Nada que um chazinho de Camomila bem quentinho não melhore tudo, né?
bjo 

4 comentários:

Dani Dickel disse...

Como você resolveu o lance da Colcci???????
Esses vendedorezinhos de meia tigela...Na nossa época, não acontecia esse tipo de coisa, não!
BEijo,
Dani

Madá disse...

Renata... Quase normal de novo? Espero que você não volte ao normal nunca...Em nome da tal "normalidade" vivemos no mundo onde a busca é crescente por calmantes, antidepressivos,estimulantes... pílulas da felicidade...O que é ser normal? É não reclamar quando se sente no direito de reclamar? É não expressar seus sentimentos? Será anormal escrever num caderninho eletrônico suas experiências? Ou ser (a)normal parte de quem observa?
Sendo normal ou não, o importante é que sejas você, sejas feliz e faça o outro feliz...
E como você mesmo disse: Pronto, falei!...
Carinhosamente, Madá.

disse...

Dani, já resolvi. meus gritos na internet serviram pra alguma coisas, mas espero nunca mais ter que colocar os pés lá.
Relamente na nossa época as coisas eram bem diferente.
bjo

disse...

Um beijo Madá! Obrigada pelo carinho com essa "a" normal aqui...hehehehehe